SEGURANÇA VIÁRIA EM NOVA PETRÓPOLIS

Aprovado projeto que proíbe construção de rodovias sem acostamento no Piauí

21/03/2012 • 10:05
A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Estado aprovou projeto de lei de autoria da deputada estadual Liziê Coelho (PTB), que proíbe a construção de rodovias no Piauí sem acostamento. De acordo com a parlamentar, a medida visa reduzir o crescente número de acidentes registrados nas rodovias do Estado por falta de acostamento adequado.

Liziê Coelho afirmou que estudos técnicos confirmaram que a supressão de acostamentos em uma rodovia aumenta o índice de acidentes previstos em até 28%. “Quando esses acostamentos são construídos de forma incorreta é reduzida a capacidade dessa rodovia em até 7%”, comentou.

O projeto prever ainda a proibição da utilização dos acostamentos para a construção de 3ª e 4ª faixa nas Rodovias já existentes do Estado sem a construção do acostamento. “É da máxima importância que as estradas estaduais obedeçam a critérios técnicos de segurança e que os acostamentos sejam feitos de forma adequada de maneira a evitar acidentes e aumentar a vida útil das pistas de rolagens”, disse.

Segundo a parlamentar, os acostamentos têm sido suprimidos ou implantados de maneira incorreta por razões de economia. “Os acostamentos exercem funções importantes em uma rodovia, tanto em relação à melhoria das condições operacionais, tais como a capacidade e a segurança viárias, quanto ao desempenho dos pavimentos, protegendo a estrutura da pista principal, melhorando as condições de drenagem e de transferência de carga”, declarou.

Fonte: Ascom parlamentar

DEBATE 28OUT2015 COM PREFEITO LELO, DIRETOR EGR, PREFEITO CAMBARÃ, GRUPO RBS: uma das péssimas notícias dadas foi que continuará a construção ou reconstrução de estradas SEM ACOSTAMENTO!

DEBATE 28OUT2015 COM PREFEITO LELO, DIRETOR EGR, PREFEITO DE CAMBARÃ, GRUPO RBS: uma das péssimas notícias dadas foi que continuará a construção ou reconstrução de estradas, SEM O IMPORTANTE ACOSTAMENTO! Desobedecendo o Código Nacional de Trânsito.

Brasil continua insistindo na solução rodoviária, submisso a interesses estrangeiros. E veja o gasto que a aviação aérea ocasiona

Brasil continua insistindo na solução rodoviária, submisso a interesses estrangeiros. E veja o gasto que a aviação aérea ocasiona, em poluição e alto custo – ate+

Anúncios

O BRASIL COMEÇANDO A DOMINAR A VANGUARDA DE AVIÕES CAÇA SUPERSÔNICOS

SAAB-GRIPEN-NG

SAAB-GRIPEN-NG

         Organizações certificadores dos dois países estabeleceram

         procedimentos para reconhecimento mútuo de atividades

Brasil e Suécia vão trabalhar juntos na certificação dos caças Gripen NG. O Instituto de Fomento e Coordenação Industrial (IFI) e o Swedish Military Aviation Safety Inspectorate (FLYGI) formalizaram o reconhecimento mútuo de atividades relacionadas à certificação. Isso significa que as duas instituições poderão dividir os trabalhos de conferir as capacidades do futuro jato de combate em desenvolvimento pelos dois países. O processo de assinatura do Implementation Procedure (processo de implantação) ocorreu no dia 9 de outubro.

O diretor do IFI, Coronel Marcelo Franchitto, elogiou a integração entre os dois órgãos para a celebração do acordo. “Haverá muito trabalho relativo à certificação pela frente, para o qual a proatividade demonstrada será essencial”, afirmou. Da parte sueca, o documento foi assinado pelo Coronel Anders Janson, diretor do FLYGI.

O reconhecimento mútuo das atividades entre os órgãos vai representar a economia de recursos do projeto, pois evitará repetições desnecessárias de atividades de certificação. Além disso, o acordo servirá de base para incorporar a certificação de outros projetos e aquisições, caso futuramente sejam assinados outros contratos de aquisição de aeronaves militares envolvendo as duas nações.

FONTE: DCTA/fab.mil.br

Assista o breve video: FORÇA AÉREA BRASUCA